A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Takuma

Na ponta das 500 Milhas
"O segundo é o primeiro dos últimos" frase atribuída à Ayrton Senna.

Hoje alguns “comentaristas” escreveram sobre o final da 500 Milhas de Indianápolis de ontem. A maioria duvidando e ironizando a capacidade de Takuma Sato assumir a ponta e vencer a corrida. Acredito que a grande maioria, dos que escreveram, nunca puseram seus traseiros em um carro de corridas, e ainda mais com a obrigação de fazer tempo e vencer. 
Jornalistas competentes, sabem o quanto é difícil a lida do automobilismo, ainda mais como correr numa categoria de ponta como a Indy, e mostrar resultados, é difícil. A grande verdade é que a maioria que o criticou, conhece o automobilismo sentados à frente de sua TV, e ouvindo locutores que por um motivo ou outro distorcem as informações.
A verdade é que Takuma é um piloto de ponta, combativo, como pouco se vê atualmente nas categorias maiores. Anda forte e com firmeza, sempre!
Parabéns Takuma, foi grande sua corrida, e o acidente só aconteceu por você querer a ponta, coisa muito natural a quem se dispõe a competir!
Sou seu fã!     


FOTOS: REUTERS


7 comentários:

  1. Parabéns Rui.
    Na verdade achei uma grande injustiça o Takuma não vencer, seria fantástico o primeiro japonês a vencer na Indy, um cara que saiu da F1 por falta de oportunidade.

    ResponderExcluir
  2. Fabiani C Gargioni #2729 de maio de 2012 18:35

    Grande Rui, faço minhas as tuas palavras na íntegra, e acho que o Japa da F1 o Koba tbém é um piloto muito talentoso e se não for "queimado" pela fogueira da F1 logo logo estará brigando pela ponta!!!

    ResponderExcluir
  3. Boa Rui,

    Concordo plenamente com voce, o TAKUMA é um grande e valente piloto que infelizmente foi sacaneado (opinião particular minha) na corrida pelo jogo sujo do "piloto" da GANASSI.
    Com relação à corrida em si, eu até iria fazer um "post" sobre o final da mesma (mas desisti) que "também na minha opinião" foi patético e contra tudo o que se espera de um automobilismo de competição de verdade, com o lamentável encerramento em "bandeira amarela".

    Abs,

    ResponderExcluir
  4. Oi Rui. Essa frase "o segundo é o primeiro dos ultimos" não é do Piquet?

    ResponderExcluir
  5. Sempre pensei que a frase fosse do Ayrton, alguém há de confirmar para nós.

    ResponderExcluir
  6. Oi Rui,

    Esta frase "Ser o segundo é ser o primeiro dos derrotados" foi dita pelo grande e inesquecível Ayrton Senna da Silva.
    Se não me falha a memória ela veio junto com uma outra que dizia:
    "Brasileiro só aceita título se for de campeão. E eu sou brasileiro"

    Abs

    ResponderExcluir
  7. Obrigado Fernando, tb achava que era dele!

    Um abraço

    ResponderExcluir

Os comentários serão aprovados por mim assim que possível, para aqueles que não possuam blogs favor usar a opção anonimo na escolha de identidade. Obrigado por sua visita, ela é muito importante para nós.

Rui Amaral Jr