A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach

domingo, 20 de novembro de 2011

Marcas em Londrina - Thiago Camilo em primeiro e Julio Campos em segundo



Paulo Valiengo Comunicação

PAULO VALIENGO comunicação e marketing
Bruno Terena/Vicar
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Julio Campos (esq) e Thiago Camilo, juntos no podio

Alta | Web
Duda Bairros/Vicar
Clique na imagem para fazer o Donwload...
O Astra 21 subindo no rampa do pódio

Alta | Web
Bruno Terena/Vicar
Clique na imagem para fazer o Donwload...
O competente Carlão Alves

Alta | Web
Duda Bairros/Vicar
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Na bandeirada, Camilo em primeiro e Julio em segundo

Alta | Web
Duda Bairros/Vicar
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Camilo, Julio e Maurício, na segunda corrida do dia

Alta | Web
Marcas: Dobradinha da Carlos Alves em Londrina - Thiago Camilo em primeiro e Julio Campos em segundo
Camilo venceu pela sexta vez e Julio Campos chegou em segundo na estréia
Londrina (PR) - 20/11/2011 - O time oficial Chevrolet, Carlos Alves Competition Team, dos pilotos Thiago Camilo Astra 21 e Julio Campos Astra 44, dominou de ponta a ponta a segunda corrida do dia e seus dois carros receberam a bandeirada em primeiro e segundo lugares, na sétima etapa do Campeonato Brasileiro de Marcas, que aconteceu neste domingo, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina (PR).

Na primeira corrida deste domingo, Thiago Camilo largou na quarta posição e já estava em segundo logo na primeira volta, quando foi tocado por um concorrente no curvão no final da reta oposta, escapou da pista e voltou nas últimas posições do pelotão.

Com o carro muito pesado, por causa do "lastro de sucesso" de cinqüenta quilos, em função de ocupar o primeiro lugar no torneio, Camilo aos poucos foi fazendo importantes e difíceis ultrapassagens, até encostar no vice-líder do torneio, o paulistano Daniel Serra. Travaram uma férrea disputa que foi assim até a bandeirada final, com Serra em sétimo e Camilo em oitavo. A vitória foi de Valdeno Brito.

Na segunda corrida, em função do sistema de inversão do grid, Camilo ocupou a primeira posição, ao lado de Daniel Serra, com Ricardo Maurício em terceiro e o paranaense Julio Campos em quarto. Camilo largou muito bem e manteve a ponta, sendo bastante pressionado por Ricardinho que não dava sossego ao líder do campeonato. Até que numa espetacular manobra, o terceiro colocado Julio Campos, deu um mergulho sobre Maurício e conquistou a segunda colocação da prova.

Os ponteiros continuaram assim até a bandeirada final, com mais uma vitória de Camilo e com Julio Campos em segundo e Maurício em terceiro. Camilo ainda conquistou a melhor volta da segunda corrida.

"Eu já estava em segundo na primeira corrida, quando fui tocado na traseira do meu Astra por outro concorrente e acabei saindo da pista no fim da reta oposta. Voltei no fim do pelotão e tive que lutar muito para conseguir chegar em oitavo, o que foi fundamental para largar em primeiro na segunda corrida", contou Camilo

"Fiquei muito feliz com mais esta vitória que foi muito importante para abrirmos distância no campeonato (55 pontos de Daniel Serra). O meu carro está muito pesado por causa do lastro e eu tinha que aproveitar as descidas e as freadas. Quero agradecer ao Julio Campos que me ajudou muito nessa corrida. Quero também agradecer a todos da equipe e mandar um abraço ao meu companheiro Galid Osman que está em casa vendo a corrida", finalizou Thiago Camilo.

Para o paranaense Julio Campos, que nunca havia pilotado um carro de tração traseira, o resultado do fim de semana foi muito animador e de certo modo surpreendente, porque além de ter liderado o segundo treino no sábado, chegou na quinta colocação na primeira corrida e ainda fez a melhor volta da prova.

Como se não bastasse, Campos largou em quarto na segunda corrida e logo na primeira freada ultrapassou Daniel Serra e "colou" em Ricardo Maurício. Algumas voltas depois, fez uma belíssima ultrapassagem por fora em Maurício e conquistou a segunda colocação da corrida, logo atrás de Thiago Camilo, posição que soube manter até a bandeirada final.

"Eu nunca tinha pilotado um carro de tração dianteira, então foi uma experiência muito diferente para mim. Foi bom ter terminado a primeira corrida em quinto, porque pude largar em quarto na segunda corrida e acompanhar o ponteiro que era o meu companheiro Thiago Camilo", disse Campos.

"O meu carro estava muito bom, e andava bem, mas foi esquentando um pouco no meio da segunda corrida. Como eu não conheço nada desse carro, fiquei preocupado e pensei que não iria conseguir chegar ao final. Mas felizmente deu tudo certo e pude terminar em segundo", finalizou Julio Campos.

Quem ficou extremamente satisfeito com o resultado desta sétima etapa, foi o ex-piloto de Stock Car Carlão Alves, o titular da equipe responsável pela preparação dos dois Chevrolet Astra 21 e 44.

"O nosso fim de semana não começou bem, porque o Galid Osman não pode participar, por causa da garganta inflamada e teve que ir embora. Chamei as pressas o Julio Campos, que vai pilotar o nosso Stock Car na próxima temporada, que veio na hora para correr com o Astra 28 do Galid" disse Carlão.

"O Julinho me disse que nunca tinha pilotado um carro de corridas com tração dianteira, mas não me importei porque acredito no seu talento. Não me enganei, ele fez duas ótimas provas, ajudou muito no nosso acerto com boas informações e colaborou para a vitória do Thiago Camilo na segunda corrida", contou Carlão Alves.

"Quanto ao Camilo, não tenho muito que falar, porque ele é um piloto espetacular que a gente pode confiar. Ele não decepciona, sabe o que faz e nunca desiste de lutar por uma vitória. Já conquistou seis vitórias nesta temporada e é favorito ao título de campeão. Também estou muito alegre porque os nossos carros fizeram as duas melhores voltas do dia, isto é, o Julinho ficou com a melhor volta na primeira prova e o Thiago Camilo fez a melhor volta na segunda corrida," concluiu o sorridente Carlão Alves.

O time liderado por Carlão Alves, vai revisar totalmente os dois Astra para a etapa derradeira do torneio, que será realizada no autódromo de Curitiba no dia 04 de dezembro e aguardar e torcer pela plena recuperação do seu piloto, o paulistano Galid Osman.

Resultado da primeira corrida:
1 77 Valdeno Brito XCMG Astra
2 10 Alceu Feldmann Fertipar Civic
3 20 Fabio Carbone Full Time Sports Civic
4 6 Juliano Moro Auto Racing Civic
5 44 Julio Campos Carlos Alves Competições Astra
6 90 Ricardo Mauricio Officer ProGP Focus
7 29 Daniel Serra Serra Motorsport Civic
8 21 Thiago Camilo Carlos Alves Competições Astra
9 1 Thiago Marques Navegador 4 Rodas Astra
10 9 Giuliano Losacco Bassani Racing Corolla
11 37 Lorenzo Varassin AMG Motorsport Astra
12 47 Claudio Caparelli Amir Nasr Racing Focus
13 82 Willian Freire Bassani Marcas Corolla
14 12 Carlos Eduardo Padovan Serra Motorsport Civic
15 05 Wilson Pinheiro Auto Racing Civic
16 71 Marcelo Lins Amir Nasr Racing Focus
17 3 Denis Navarro Bassani Racing Corolla
18 23 Duda Pamplona Officer ProGP Focus
Melhor volta da prova: Julio Campos Astra 44 - Carlos Alves Competition 1:17.811

Resultado da segunda corrida:
1 21 Thiago Camilo Carlos Alves Competições Astra
2 44 Julio Campos Carlos Alves Competições Astra
3 90 Ricardo Mauricio Officer ProGP Focus
4 20 Fabio Carbone Full Time Sports Civic
5 29 Daniel Serra Serra Motorsport Civic
6 9 Giuliano Losacco Bassani Racing Corolla
7 37 Lorenzo Varassin AMG Motorsport Astra
8 10 Alceu Feldmann Fertipar Civic
9 77 Valdeno Brito XCMG Astra
10 3 Denis Navarro Bassani Racing Corolla
11 82 Willian Freire Bassani Marcas Corolla
12 1 Thiago Marques Navegador 4 Rodas Astra
13 47 Claudio Caparelli Amir Nasr Racing Focus
14 12 Carlos Eduardo Padovan Serra Motorsport Civic
15 05 Wilson Pinheiro Auto Racing Civic
16 71 Marcelo Lins Amir Nasr Racing Focus
17 6 Juliano Moro Auto Racing Civic
18 23 Duda Pamplona Officer ProGP Focus
Melhor volta: Thiago Camilo Astra 21 - Carlos Alves Competition

Os 10 primeiros colocados no campeonato de pilotos
1 21 Thiago Camilo Astra 225
2 29 Daniel Serra Civic 170
3 1 Thiago Marques Astra 155
4 77 Valdeno Brito Astra 153
5 10 Alceu Feldmann Civic 139
6 20 Fabio Carbone Civic 126
7 26 Juliano Moro Civic 122
8 28 Galid Osman Astra 77
9 72 Fábio Fogaça Focus 70
10 52 Átila Abreu Astra 67

Os 10 primeiros colocados no campeonato de equipes:
1 Carlos Alves Competition Team 334
2 AMG Motorsport 272
3 Full Time Sports 265
4 Serra Motorsport 222
5 Mico’s Racing 182
6 Auto Racing 175
7 Amir Nasr Racing 155
8 Officer ProGP 117
9 Bassani Racing 108
10 Bassani Marcas 104

Resultado do campeonato de Marcas:
1 Chevrolet 546
2 Honda 435
3 Ford 238

Assessoria de Imprensa da Carlos Alves Competition Team
PAULO VALIENGO comunicação e marketing MTb 56052
11 98387470 paulinhoxx@yahoo.com.br
visite: paulovaliengocomunicacao.blogspot.com
PAULO VALIENGO comunicação e marketing - MTb 56.052
(11)9838-7470
paulinhoxx@yahoo.com.br
paulovaliengocomunicacao.blogspot.com


4 comentários:

  1. Oi Rui, boa noite

    Enquanto aguardava o almoço aqui em casa, acabei assistindo pela TV (de susto pois nem sabia que a corrida seria transmitida) a 2a corrida do campeonato brasileiro petrobrás de "marcas" que apesar de não ter sido de toda ruim (já vi coisa melhor) ... deu para pasar o tempo.
    Agora é de assustar a situação que chegou o nosso automobilismo brasileiro heim.
    Hoje no Campeonato Argentino de Marcas ( com várias marcas de verdade, não com alguns tipos de monoblocos... como é o brasileiro petrobras de marcas)o grid foi de mais de 40 carros (ainda dizem que a Argentina, esta em crise) representando; Fiat Linea, Chevy Astra, Citroen C4, Ford Focus, Honda New Civic e Leon, enquanto aqui em Londrina (num Brasil que empresta dinheiro para o FMI) um grid de 18 carros com os mesmos pilotos da estoque etc e etc.
    Será que "se este " campeonato brasileiro petrobras de marcas" fosse um campeonato "multimarcas de verdade" e consequentemente com aquisição mais democrática de carros por todos pilotos e equipe nós não teriamos um grid com mais de 40 carros como nossos hermanos ?

    Abs

    ResponderExcluir
  2. Acredito que sim Fernandão!
    Mas veja os erros de nosso automobilismo de hoje, são os mesmos que se passam em nossa vida pública.
    Má gestão e administração, nichos inatingiveis, apenas para alguns privilegiados.
    Veja que na ponta desta categoria estão pilotos que poderiam, andar na frente em qq categoria do mundo. Thiago, Ricardo, Losacco, Julio, Valdeno e outros.
    Apenas que esta é forma que eles tem de exercer sua profissão e mostrar sua arte.

    Um forte abraço

    ResponderExcluir
  3. Gosto desse vampeonato, apesar da Vicar.
    Abração.

    ResponderExcluir
  4. Fabiani C Gargioni #2721 de novembro de 2011 13:07

    Grande Rui,o HIPER term toda a razão e faço minhas as palavras dele,é uma pena!!!

    ResponderExcluir

Os comentários serão aprovados por mim assim que possível, para aqueles que não possuam blogs favor usar a opção anonimo na escolha de identidade. Obrigado por sua visita, ela é muito importante para nós.

Rui Amaral Jr