A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach

sexta-feira, 5 de junho de 2009

MIL MILHAS BRASILEIRAS - 1967

Largada Le Mans , Mark I , Fitti Porsche , Carretera 18 ,Mark I , Alfa GTA , KG Porsche e Alfa Giulia .

Foi uma corrida atípica , vieram os portugueses , a nata dos pilotos brasileiros estava inscrita , sendo que alguns deles poucos anos depois estariam brilhando na F1 , era a ultima corrida antes da reforma do autodromo , que como disse Victório Azzalim tinha muitos buracos , os box sairiam do "Café" e iriam para o lugar atual .

O Mark I vencedor da dupla Luiz Pereira Bueno /Luiz Fernando Terra Smith , andando de lado .

O Mark I de Bird/Marivaldo Fernandes 2º colocado .
O Fitti-Porsche de Emerson e Wilsinho Fittipaldi .
O Porsche 911/S dos portugueses Nogueira Pinto/Andrade Villar 3º colocado .

Seria o fim da época das carreteras ? Camilo/Celidonio estavam largando na entre os primeiros na sua frente a modernidade , um Mark I e o Fitti-Porsche . Muitas Alfas , duas Lotus Europa um Ford Cortina , alguns Simcas inclusive um com meu amigo Fredy O`Hara e outras carreteras inclusive a pilotada pelo trio Nelson Marcilio/Zé Peixinho/Donato Malzoni .
As carreteras andaram bem de inicio , mas a modernidade vinha rápido , não conseguiram manter o ritmo dos carros mais modernos , o Fitti-Porsche nos treinos havia nas mãos de Emerson fulminado em 6s o recorde anterior da pista que era de Ciro Cayres , cravando o tempo de 3.31 8/10 . Os Mark I fizeram a corrida inteira com um único jogo de pneus .
Donato Malzoni me contou que sua carretera era rápida , só que seus amortecedores duravam nem uma volta quebrando sempre já na entrada da curva "Três" , ele foi cronometrado no retão a 236 km/h . Na corrida uma ponta de eixo quebrou no "Retão" e lá mesmo foi trocada por sua equipe . Apesar disso eles chegaram num bom 7º lugar .
No final ganhou a modernidade , a garra de Greco , a tocada de quatro grandes pilotos Luizinho/Terra Smith , Bird/Marivaldo sendo que o Porsche 911/S nem com os vinte minutos que o carro 22 de Bird/Marivaldo ficou nos box conseguiram alcança-lo terminando na mesma volta , só que sete voltas atrás do vencedor .
Agradeço ao meu amigo Orlando Belmonte Junior .

5 comentários:

  1. Rui, nesta prova, para-brisas e até piloto com a clávicula quebrada por pedras lançadas a noite pelo público!
    Afora a batalha do Eloi e Wilsão para convecer os Portugueses que não seriam punidos pela Fia em participar aqui.
    O grande mistério é dos 4 carros que vieram, uma das Lotus dizem que ficou por aqui. E uma das duas havia sido do Clark.
    abs.

    ResponderExcluir
  2. É Dú e ainda depenaram um carro dos Portugueses que quebrou no miolo . Será que uma das Lotus era do Clark , já leu em meu blog "O começo"? . Vc cita duas grandes figuras o Elói e o Barão .Imagine a emoção do Barão vendo o Wilsinho e o Christian ganhando as Mil Milhas? . Em um video que ainda não coloquei no blog o Bird fala da 1ª MM , diz que o exercito colocou seus homens para sinalizar nas curvas , com lanternas verdes para quando tudo estava OK e vermelhas quando tinha algum contratempo .

    ResponderExcluir
  3. O Exército fazia a telecomunicação tbm., e o Eloi anotava volta por volta todas ocorrências. Fiz o Bird outro dia, assinar novamente a ficha de inscrição de 1.959.......
    abs.

    ResponderExcluir
  4. Caros, eu tenho um álbum de fotos em preto e branco desta corrida, original, esta um pouco desgastado e com alguns rabiscos de caneta, mas já estava assim quando eu o encontrei, tem fotos da premiação de antes da largada e de vários ângulos da pista de diversos carros. Acredito que deva ser um documento muito importante para quem participou diretamente!

    ResponderExcluir
  5. Caro Ricardo, caso vc queira pode entrar em contato comigo no e-mail
    ruiamaraljr@hotmail.com.
    Gostaria muito de ver e mostrar essas fotos.

    Um abraço

    Rui

    ResponderExcluir

Os comentários serão aprovados por mim assim que possível, para aqueles que não possuam blogs favor usar a opção anonimo na escolha de identidade. Obrigado por sua visita, ela é muito importante para nós.

Rui Amaral Jr